5 COISAS POR QUE ME SINTO GRATA | MARÇO

plantas de interior

Decidi começar esta nova rubrica aqui no blog onde, uma vez por mês, partilharei convosco cinco coisas que tenham contribuído para melhorar o meu mês e pelas quais me sinto grata. Estas podem variar entre emoções, objectos, series de televisão, filmes, eventos, ou o que quer que me passe pela cabeça no respectivo mês. No final acaba por ser uma espécie de favoritos do mês um pouco mais aprofundado. Espero que gostem!

suculentas

Plantas

Uma das memórias mais prazerosas que tenho é de chegar a casa depois da escola nos dias quentes de Primavera e Verão, descalçar-me e regar as plantas do quintal de mangueira na mão enquanto sentia o fresco da água a passar pelos pés. Algo tão simples mas que ainda hoje me traz uma tranquilidade e felicidade impossível de descrever. Ultimamente tem estado demasiado frio e chuvoso por estes lados, portanto esses dias ainda terão de esperar um pouco mais, e é exactamente aí que as plantas de interior fazem a sua magia no expoente máximo. Estar rodeada de plantas por todos os cantos da casa faz-me sentir feliz e relaxada. Adoro passar tempo a observa-las e a cuidar delas e estou tão feliz por vê-las crescer bem e saudáveis como resultado do carinho e atenção que lhes damos. Recentemente, apercebi-me de que a nossa planta de interior mais antiga acabou de completar oito anos de vida. Não é incrível?

capitola watches

Parcerias

Sinto-me tão grata por ter sido convidada a ser embaixadora da Capitola no inicio deste mês. Tenho vindo a receber algumas propostas de parcerias desde que comecei o Wit Konijn, no entanto nunca nenhuma com a qual me identificasse a cem por cento e que consequentemente fosse beneficiar nenhum de nós. Esta oportunidade chegou quando menos esperava e fico tão contente que até parece meio parvo. Enfim. Caso tenham perdido o post no Instagram, podem aproveitar o desconto de 15% em qualquer compra, usando o código witkonijn no momento do check-out.

workin moms

Workin' Moms

Este não é de todo o tipo de séries que eu por norma vá ver. Tem claramente como publico alvo mães e gravidas, mas ainda assim gostei bastante dela. Esta é uma série original da Netflix que retrata as vidas de um grupo de mulheres no final das suas licenças de maternidade. Uma vez que todas as personagens são distintas e lidam com as mesmas situações de formas completamente diferentes, o grupo e a história tem num todo uma grande dinâmica. O que pessoalmente me atrai mais nesta série é o facto de abordar aspectos importantes e tabu relativos à maternidade, sempre com o belo do humor negro à mistura.

plantas de pendurar

Pessoas que acreditam em mim

No inicio deste mês fui convidada a participar num projecto de ilustração que curiosamente sempre foi um sonho pessoal. Não posso dizer que não tenha já pensado em desistir umas quantas vezes, uma vez que se tem vindo a provar um desafio bem maior do que antecipava, mas só o facto de ter alguém que acredita no meu trabalho faz-me continuar em frente sempre a melhorar de forma a conseguir entregar aquilo que será, pelo menos no momento, o melhor que consigo fazer. E isto aplica-se a tudo o que crio ou faça na vida, especialmente no que toca às coisas mais difíceis. Vale-me o mundo saber que tenho pessoas do meu lado que me apoiam completamente naquilo que faço e que me dão força para seguir em frente com confiança. Acho que todos vocês sabem quem são e eu não poderia estar mais grata por vos ter na minha vida.

gravidez

O meu corpo

É verdade que temos uma relação amor/ódio como ninguém, mas ainda assim não poderia estar mais orgulhosa e contente com o meu corpo neste momento. Independentemente da quantidade de junkfood que ingira, dos momentos mais dramáticos por que o faço passar, e da falta de paciência que tenha para exercitar, ele ainda assim se comporta de forma excelente e continua a lembrar-me de todas as coisas de que é capaz. Cria vida agora e constantemente. É a minha primeira casa e a de sei lá eu quantos mais organismos. Não sei nem metade do que devia sobre ele e ainda assim a única coisa que me pede é água e comida em troca. Esta é uma Ode a ti corpo. Obrigada por seres um amiguinho mal apreciado durante estes anos todos.

E vocês, porque estão gratos este mês?





Sem comentários

Publicar um comentário