LEITURAS DE 2017

janeiro 01, 2018

lista de livros

"Ler mais livros" - um daqueles pontos nas listas de resolução de ano novo que se parece arrastar de ano para ano sem nunca se concretizar.

No final de 2017 reparei que de uma forma inesperada consegui inserir este hábito na minha rotina diária e, desde então, não passo um dia sem ler um pouco antes de dormir. Tornou-se a minha forma de desligar de tudo no momento certo do dia.

Decidi por isso começar este ano (Feliz Ano Novo!) partilhando convosco uma lista de livros que li em 2017. Quem sabe, talvez vos possa despertar algum interesse e queiram incluir algum na vossa lista de leitura deste ano (se o fizerem, não se esqueçam de me dizer!). Alguns destes livros têm uma review dedicada que pode ser encontrada clicando no respectivo titulo.

livros 2017


ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA

por José Saramago


Sem dúvida, um livro que facilmente conquistou um lugar permanente na minha lista de romances preferidos de todos os tempos. Retrata um mundo decadente resultante de uma inesperada epidemia de cegueira que afecta praticamente toda a gente.


MEMÓRIAS DE UMA GUEIXA

por Arthur Golden


O primeiro livro "a sério" que li ainda em tenra idade e que adorei desde então. Ao virar de cada página vamos descobrindo as peripécias da vida de uma pobre menina que se torna numa gueixa no decorrer da segunda guerra mundial. Uma história contada na primeira pessoa, pela própria "gueixa" à medida que esta, já em idade avançada, descreve as memórias da sua vida a um escritor. Um livro  que facilmente nos envolve e nos faz esquecer que tudo não passa apenas de ficção.


O CÍRCULO

por Dave Eggers


Definitivamente um livro que me foi recomendado no melhor timming possível. Nele seguimos a história de uma rapariga no inicio da sua carreira numa conceituada empresa de tecnologia que se encontra a desenvolver softwares inovativos na tentativa de tornar o mundo um local melhor e menos perigoso, pondo em causa a privacidade de toda a gente. Uma história levada ao extremo que nos faz ponderar bastante as consequência de factores que até então nos parecem favoráveis e das acções que concretizamos no presente.


O LOBO DAS ESTEPES

por Hermann Hesse


Apesar do estilo de escrita não ser de todo da minha preferência, consegui apreciar cada linha deste livro de uma forma completamente inesperada. Uma espécie de autobiografia e (supostamente)  psicanálise do escritor apresentada em formato de manuscrito, onde o mesmo atravessa um período de solidão e atrofios mentais com o qual muitos de nós se pode identificar, numa altura ou outra da vida.


BLOOM

por Estée Lalonde


Uma autobiografia super fácil de ler sobre uma pessoa como eu, tu ou qualquer outra que se foca naquilo que quer e consequentemente tanto consegue alcançar sem nunca perder a sua essência. Um livro inspiracional que nos relembra da importância de ultrapassar momentos menos bons para ir em busca da vida que queremos viver.


A CASA DOS ESPIRITOS

por Isabel Allende


Um romance que retrata a vida de várias gerações dentro da mesma família. Desde os eventos dramáticos, problemas políticos da época no Chile a actividades paranormais, este livro aborda todos os assuntos da forma mais cómica e característica da autora, com bastantes palavrões à mistura.


O LIVRO DO HYGGE

por Meik Wiking


"A bíblia para tudo hygge" ou "o tema mais hipped de 2017", fica ao vosso critério. Neste livro conhecemos o conceito de "hygge" assim como os hábitos escandinavos para uma vida mais feliz e balançada.


SER BLOGGER

por Carolina Afonso e Sandra Alvarez


Uma leitura rápida e fácil em formato guia passo-a-passo ideal para quem quer criar ou desenvolver um blog de sucesso mas se sente um pouco perdido ou sem saber onde começar.


livros a ler em 2018


Quais são as vossas recomendações para 2018?



Podes Também Gostar

4 comentários

  1. Ahah, não li nenhum!
    Tenho que dar uma oportunidade ao ensaio sobre a cegueira, e fiquei curiosa com o bloom.
    O ser blogger tenho-o aqui para ler (ganhei-o num encontro de bloggers) mas parece-me muito básico, com muito do que se lê na net... mas se calhar é preconceito meu... (que ainda nem li)...
    Um feliz ano novo!
    Eu por aqui vou lendo este teu livro aberto que 2017 me trouxe!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Opaaa assim o meu coração rebenta! Feliz Ano Novo e que 2018 traga toda a felicidade!
      O Ser Blogger é sem dúvida um livro bastante básico e pessoalmente não me trouxe nada de novo, mas não deixa de ser bem concebido e fácil de ler. Por vezes, mesmo sendo um tema que já conhecemos, a perspectiva de outra pessoa pode sempre ajudar-nos de alguma forma. Quando mais não seja naqueles dias de bloqueio haha
      Quanto ao ensaio sobre a cegueira, acho que é um livro que vais gostar de ler apesar de ser um livro "feio.
      Um grande abraço!

      Eliminar
  2. Gosto sempre de saber o que as pessoas andam a ler - é uma coisa que me dá gozo!

    Dos que leste este ano, só temos em comum um. E é essa a beleza da coisa. Existem tantos livros - e tão bons - que podemos estar sempre a recomendá-los infinitamente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida! E um sítio a visitar em busca de inspiração é o teu blog! Se soubesses a quantidade dos que recomendas que tenho na lista de "a ler".

      Eliminar

Em Destaque

MAKEUP 101 | PRIMEIROS PINCÉIS

Segue no Facebook

Segue no BlogLovin'

Follow on Bloglovin